top of page

Acidente Vascular Cerebral (AVC): O que é e como evitar?

Segunda maior causa de óbitos no Brasil e no mundo e a principal causa de incapacidade em adultos, o Acidente Vascular Cerebral (AVC) ocorre quando há alteração súbita no fluxo sanguíneo, comprometendo a circulação de sangue e oxigênio necessária no cérebro, provocando lesões.


O que é AVC?


Popularmente denominado como derrame e também pode ser chamado de Acidente Vascular Encefálico (AVE), o AVC pode ocorrer por duas vias:

  1. Um entupimento nas artérias (AVC isquêmico)

  2. Vazamento nas artérias (AVC hemorrágico)

Os dois tipos de AVC/AVE:


AVC Isquêmico O AVC Isquêmico é o mais comum e ocorre em 85% dos casos. Quando há um entupimento das veias e artérias, impedindo o suprimento de sangue necessário para o seu bom funcionamento. Obstrução das veias e artérias → Falta de oxigênio → Morte ou lesão celular


AVC hemorrágico Menos comum do que o AVC Isquêmico, o AVC hemorrágico tem uma taxa de 15% de ocorrências.

O AVC hemorrágico ocorre há hemorragia pelo rompimento de um dos vasos, ocasionando

vazamento de sangue para fora das artérias. Rompimento dos vasos e vazamento de sangue → Falta de oxigênio → Morte ou lesão celular

O vazamento de sangue pode acontecer para o interior do cérebro (hemorragia intracerebral), para o sistema ventricular (hemorragia intraventricular) e/ou espaço subaracnóideo (hemorragia subaracnóide)

Como identificar os sintomas do AVC:

Como o AVC ocorre de forma súbita é quase impossível ter uma grande antecipação desse evento. O que você e sua família podem fazer é estar atento aos sinais:

  • Dormência nos braços e nas pernas

  • Boca torta

  • Perda de força, desequilíbrio e tontura

  • Confusão mental

  • Dificuldade na fala

  • Dificuldade para enxergar

  • Dor de cabeça súbita e severa

Tratamento fisioterapêutico pós AVC: Como funciona


A fisioterapia possui um papel indispensável na reabilitação pós AVC.


As primeiras 24 a 48 horas são o tempo ideal para começar a reabilitação com a fisioterapia. Quanto antes melhor a chance de reverter o quadro limitante do paciente.


O papel da fisioterapia consiste principalmente em devolver ao paciente sua autonomia através da reabilitação da sua capacidade motora para que ele possa realizar suas atividades de forma independente.


24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page